Notícias

Scot Consultoria realiza o primeiro Confina Brasil

Projeto vai visitar, avaliar e mapear mais de 1 milhão de animais criados de forma intensiva nos cinco principais estados confinadores do País

Será dada a largada para o primeiro Confina Brasil. O projeto idealizado pela Scot Consultoria tem como objetivo visitar e avaliar cerca de um milhão de animais criados de forma intensiva nos cinco principais estados brasileiros confinadores, o que representa, aproximadamente, 20% do gado total confinado no País. A comitiva sairá de São Paulo, e passará por importantes cidades de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais.

O Confina Brasil será composto por duas rodadas de visitas, onde serão avaliados os dados de confinamentos e semiconfinamentos, relacionados a todos os processos de produção envolvidos na atividade. São eles: gestão, manejo, sanidade, nutrição, logística, produção de alimentos, sustentabilidade e automação. Todos os dados apurados serão certificados e validados pela Unesp, campus de Jaboticabal, instituição de ensino referência, que juntamente com os técnicos da Scot Consultoria, aplicará um questionário em todas as fazendas do roteiro.

A primeira rota de visitas acontecerá entre os dias 9 de março e 9 de abril. Já a segunda, será de 24 de agosto a 25 de setembro. Os resultados da primeira rodada, com a previsão do primeiro ciclo, serão apresentados no Encontro de Confinamento e os da segunda, com o resultado do primeiro ciclo e as expectativas para o segundo, no Encontro dos Encontros da Scot Consultoria.

O Confina Brasil também conta com incentivo de importantes entidades representativas do setor.  Apoiam o projeto, a Sociedade Rural Brasileira (SRB) e também a Associação Nacional da Pecuária Intensiva (ASSOCON), entidade que representa produtores de gado de corte e demais integrantes da cadeia produtiva da carne bovina. “É importante ter o apoio de entidades renomadas, que acreditam no nosso projeto e entendem que os dados originados irão trazer uma visão um pouco mais clara do que está acontecendo na pecuária intensiva brasileira. Haverá mais informações disponíveis para todos os envolvidos na cadeia”, destaca Marco Túlio Habib Silva, diretor de marketing da Scot Consultoria.

Encontro de negócios

Durante a programação do Confina Brasil, também serão realizados quatro encontros de negócios, sendo dois em cada etapa. O objetivo é reunir cerca 50 produtores em cada, para os quais serão ministradas palestras sobre mercado do boi, de forma simples e direta, além de parte dos dados das visitas. “Os encontros que acontecerão com os produtores são mais uma forma de disseminar conhecimento. A ideia é avaliar as técnicas vigentes, fomentar o uso de novas ferramentas e avaliar os gargalos da atividade”, afirma Silva.

O projeto

O Confina Brasil surgiu diante da necessidade de dados mais precisos sobre a pecuária intensiva no País. Segundo o diretor de marketing da Scot Consultoria, o escopo do projeto começou a ser desenhado em 2015 após observarem essa carência de informações no mercado. Somado a isso, os profissionais viram no evento a oportunidade de fazer algo diferenciado e não apenas coletar dados, mas também mostrar a realidade no campo.

A ideia é aproveitar a rota para levar ao grande público o importante trabalho que os pecuaristas fazem em suas fazendas, sendo eles cada vez mais eficientes, sustentáveis, tecnificados e preocupados com bem-estar dos animais. “O Brasil é muito grande e gostaríamos de entender cada realidade nestes cinco estados que vamos visitar. Assim, saberemos de fato a diferença entre o pequeno, o médio e o grande confinamento com uma imagem mais fiel da atividade no País”.

O projeto além dos objetivos claros de retratar o que é a pecuária intensiva no Brasil, também tem a preocupação e cuidado com a ação social. Durante todo o trajeto que a comitiva do Confina Brasil passar, fará a divulgação do Hospital de Amor, de Barretos, entidade referência no tratamento de pessoas om câncer que também apoia o projeto.

Apoiadores

O Confina Brasil tem também apoio e patrocínio do BB Seguros, Boehringer Ingelheim, John Deere, Nutron/Cargill e UPL. Além disso, o projeto conta com o apoio institucional da Assocon, Hospital de Amor, Sociedade Rural Brasileira e Unesp – Jaboticabal.

Todas as informações da rota serão atualizadas diariamente no Instagram @confinabrasil e no site do projeto www.confinabr.com.br.

COMPARTILHE: